Mais de 1000 animais foram testados no programa Sanidade Bovina

Por Assessoria de Imprensa
25/11/2022 16:59

Você sabia que a partir de 2023 todos os produtores de leite precisam ter atestado de sanidade dos seus rebanhos, certificado que as propriedades que são livres da brucelose e tuberculose animal?

Para auxiliar os produtores rio-negrinhenses, a Secretaria de Agricultura segue realizando o programa Sanidade Bovina. Através deste projeto, um veterinário da Secretaria vai até à propriedade e realiza a coleta de sangue do rebanho para verificar a sanidade dos animais em relação à brucelose e tuberculose, de forma gratuita.

Conforme Ronei Lovemberger, secretário de Agricultura, Rio Negrinho é a cidade do Planalto Norte que mais testa seu rebanho bovino. “Só neste ano já atendemos mais de 30 propriedades e mais de 1000 animais foram testados. Cada exame custa em média R$ 50,00 por animal, através do programa, estes exames são feitos gratuitamente pela Prefeitura.”, ressaltou.

Hoje 99% das propriedades de produtores de leite do Município são atendidos pela Prefeitura. Os exames nos bovinos leiteiros são feitos em duas etapas. No primeiro dia, a veterinária faz a raspagem do pelo e aplica a tuberculina, para o exame de tuberculose. Depois de 72 horas, volta-se para ver medição da pele do animal, verificando se houve ou não reação. O animal que reagiu passa por novo exame em 60 dias. Neste mesmo dia, há coleta de sangue para exame de brucelose.

Download das fotos em alta resolução
Carregando