Eu amo Rio Negrinho

Crianças da escola Pedro Henrique Berkenbrock visitam estúdios da Faculdade Ielusc

Objetivo foi aprofundar os conhecimentos para o projeto no Youtube desenvolvido na escola
13/03/2020 10:11

Olhos atentos, vontade de aprender e muita curiosidade não faltaram ao grupo de estudantes da escola Pedro Henrique Berkenbrock, que visitou a Faculdade Ielusc em Joinville na quarta-feira. Recepcionados pelo coordenador do curso de Jornalismo, Silvio Melatti, os estudantes de 5º ao 7º ano do ensino fundamental conheceram os estúdios de rádio, TV e fotografia, visitaram a AEP/Revi e a Web Rádio Primeira Hora.

 

Em Rio Negrinho, as crianças participam de uma oficina de produção de vídeo, que ocorre na escola do bairro Industrial Norte desde 2018. “Há alunos que hoje estão em outras unidades escolares, mas que continuam fazendo a nossa oficina”, explica a professora Lisane Ritzmann Colaço. No Youtube, o canal Escola Pedro Aprendendo e Ensinando  mostra alguns vídeos produzidos pelas crianças.

 

Este ano, a escola foi beneficiada com recursos do FIA (Fundo da Infância e da Adolescência). Além de possibilitar a compra de equipamentos, o projeto também incluiu visita técnica ao curso de Jornalismo da Faculdade Ielusc e a alguns veículos de comunicação de Joinville.

 

O aluno Arthur Senn, 12, participa da oficina de vídeos desde o início. “Eu gosto, porque a gente sempre faz algo diferente”, conta. Karine Bianchini, 12, explica que estudava na Pedro Henrique quando surgiu a oportunidade de fazer a oficina. “Hoje eu estudo na escola Ricardo Hoffmann, mas continuo frequentando as aulas de vídeo porque gosto muito”, destaca.

 

A visita ao estúdio de TV, momento mais aguardado pelas crianças, contou com explicações sobre o funcionamento dos equipamentos de gravação e edição. Na volta para casa, os 89 km até Rio Negrinho foram preenchidos pelos comentários e impressões da viagem.



 

Texto: Marília Crispi de Moraes/IELUSC

Fotos: Foto: Vinícius Sprotte/IELUSC

Download das fotos em alta resolução
Carregando